13 de dezembro de 2010


É daquelas pessoas que adora fazer bolos para ocasiões especiais e procura ideias novas?
Neste Natal poderá surpreender toda a família com as magníficas decorações das suas sobremesas. Com este livro de Annie Rigg poderá experimentar novas receitas e novas decorações. Encontrará mais de 50 ideias fáceis para confeccionar e decorar bolos, bolinhos e cupcakes, acompanhadas de fotografias que dão uma preciosa ajuda nos momentos ligeiramente mais complicados.

13 de novembro de 2010

História das Cartas de Jogar em Portugal e da Real Fábrica de Cartas de Lisboa - Do séc. XV até à actualidade


Produto de uma investigação que demorou cerca de 12 anos, este monumental estudo encerra todos os dados, imagens (a cores) e textos literários disponíveis em Portugal sobre o tema. A autora é especialista no tema; pertence a associações internacionais de investigadores sobre cartas de jogar e fundou em 2010 uma congénere portuguesa.
Inclui também um longo estudo inédito sobre a Real Fábrica de Cartas de Jogar de Lisboa, fundada pelo Marquês de Pombal em 1769, uma passagem pela tradição oral e as cartas de jogar, a lista de todos os fabricantes conhecidos, a dos muitos jogos que por cá se praticaram ao longo das eras e um glossário de terminologia associada ao tema.
In Apenas

30 de outubro de 2010

Katherine Neville


Em 1988, O Oito, de Katherine Neville, revolucionou o panorama dos romances de intriga e redefiniu as normas universais do suspense. Vinte anos depois, O Fogo dá continuidade à história.

1822, Albânia: trinta anos após a Revolução Francesa, está iminente a guerra da independência grega. Ali Paxá, o mais poderoso governante do Império Otomano, encarrega a sua jovem filha Haidée de levar para fora do país uma peça crucial do tabuleiro de Xadrez de Montglane. Perseguida por inúmeros inimigos, Haidée viaja através de Marrocos, Roma e Grécia até ao centro do Jogo cujos segredos têm origem na cidade de Bagdade, mil anos antes.
2003, Colorado: Alexandra Solarin desloca-se ao refúgio ancestral da família, nas Montanhas Rochosas, para o aniversário da mãe. Há trinta anos, Cat Velis e Alexander Solarin, os seus pais, acreditavam ter espalhado as peças do Xadrez de Montglane por várias partes do mundo, enterrando-as e ocultando assim os segredos do poder que quem as possuísse deteria. Mas, ao chegar ao seu destino, Alexandra descobre que a mãe desapareceu e que uma série de pistas por ela estrategicamente deixadas só podem indicar que algo de muito sinistro foi posto em marcha. A peça mais importante do tabuleiro de xadrez de Carlos Magno reapareceu...

Misturando um estilo requintado com uma narrativa absorvente em que o suspense nunca pára, Katherine Neville consegue mais uma vez tecer uma cativante história de acção, intriga e mistério.

22 de outubro de 2010

José Rodrigues dos Santos

Já se encontra à venda O Anjo Branco, o novo romance de José Rodrigues dos Santos.



A vida de José Branco mudou no dia em que entrou naquela aldeia perdida no coração de África e se deparou com o terrível segredo. O médico tinha ido viver na década de 1960 para Moçambique, onde, confrontado com inúmeros problemas sanitários, teve uma ideia revolucionária: criar o Serviço Médico Aéreo.

No seu pequeno avião, José cruza diariamente um vasto território para levar ajuda aos recantos mais longínquos da província. O seu trabalho depressa atrai as atenções e o médico que chega do céu vestido de branco transforma-se numa lenda no mato.

Chamam-lhe o Anjo Branco.

Mas a guerra colonial rebenta e um dia, no decurso de mais uma missão sanitária, José cruza-se com aquele que se vai tornar o mais aterrador segredo de Portugal no Ultramar.

Inspirado em factos reais e desfilando uma galeria de personagens digna de uma grande produção, O Anjo Branco afirma-se como o mais pujante romance jamais publicado sobre a Guerra Colonial - e, acima de tudo, sobre os últimos anos da presença portuguesa em África.

21 de outubro de 2010

Mario Vargas Llosa

O escritor Mario Vargas Llosa nasceu em 28 de Março de 1936, em Arequipa, no Peru.
Em 7 de Outubro de 2010 foi agraciado com o Prémio Nobel da Literatura, pela Academia Sueca de Ciências.

Algumas obras do autor:
A Cidade e os Cães
(1963); A Casa Verde (1966); Conversa na Catedral (1969); Pantaleão e as Visitadoras (1973); A Tia Júlia e o Escrevedor (1977); A Guerra do Fim do Mundo (1981); História de Mayta (1984); Quem Matou Palomino Molero? (1986); O Falador (1987); Elogio da Madrasta (1988); Lituma dos Andes (1993); Como Peixe na Água (1993); Cartas a um Jovem Romancista (1997); A Festa do Chibo (2000); A guerra do fim do mundo (2001); O paraíso na outra esquina (2003); A tia Júlia e o escrevedor ( 2003); Travessuras da menina má (2006), Israel Palestina : paz ou Guerra Santa ( 2007); Diário do Iraque ( 2007).

16 de outubro de 2010

1822


Quem observasse o Brasil em 1822 teria razões de sobra para duvidar da sua viabilidade como nação independente e soberana. De cada três brasileiros, dois eram escravos, negros forros, mulatos, índios ou mestiços. O medo de uma rebelião dos cativos tirava o sono à minoria branca. O analfabetismo era geral. O isolamento e as rivalidades entre as diversas províncias prenunciavam uma guerra civil e, para piorar a situação, ao voltar para Portugal, D. João VI deixara os cofres nacionais vazios.
O novo país nascia falido.

As perspectivas de fracasso pareciam bem maiores do que as de sucesso.
Nesta nova obra, o autor de 1808 - sobre a fuga da família real para o Rio de Janeiro -, mostra como o Brasil, que tinha tudo para não resultar, até resultou, numa notável combinação de sorte, improviso, acasos e também de sabedoria das lideranças responsáveis pela condução dos destinos do novo país, naquele momento de grandes sonhos e muitos perigos.

6 de outubro de 2010

Era uma Vez a República



Já passaram 100 anos depois dessa data tão importante para a nossa História recente que é o 5 de Outubro de 1910 em que terminou a Monarquia e se deu a implantação da República. São muitas as perguntas que colocamos quando se fala do 5 de Outubro de 1910. Será que saberemos o que é uma República? Qual é a diferença entre a República e a Monarquia? Quem concebeu O Mapa Cor-de-Rosa? Como é que nasceu o Hino Nacional? Como é que se escolheu a Nova bandeira portuguesa? Quem é que era eleito para o Parlamento? O que é a Maçonaria? E a Carbonária? Porque é que assassinaram o Rei D. Carlos? Quem foi Afonso Costa? Porque é que chamavam o Presidente-rei a Sidónio Pais?

2 de outubro de 2010

Dicionário Histórico das Ordens institutos religiosos e outras formas de vida consagrada católica em Portugal


Mais do que um dicionário comum, estamos diante de uma verdadeira enciclopédia desenvolvida em que se condensa o conhecimento sistematizado sobre a extraordinária multiplicidade de instituições de vida consagrada integradas ao longo dos séculos na Igreja Católica.

Esta obra de grande fôlego mostra, de forma rigorosa e profusamente ilustrada, o quanto tantos monges e monjas, frades e freiras tiveram e continuam a ter presença e influência significativas em Portugal.

As Ordens, as Congregações, os Institutos Seculares e as Novas Comunidades de Vida Consagrada, ramos que brotam do tronco multimilenar do monaquismo cristão, têm revelado, ao longo da nossa história, um dinamismo empreendedor no plano da Missionação, da Arte, do Património, da Cultura, da Ciência e da Espiritualidade. As marcas qualificadas do empreendedorismo das ordens, realizado com o patrocínio do poder político e económico, são mais notáveis no plano do património monumental traduzido nas imensas edificações de igrejas, mosteiros e conventos, muito visíveis em todo o território português. Estas constituem, de facto, uma das partes mais importantes da herança monumental do nosso país.

Na época contemporânea, marcada por relações de conflito entre ordens, congregações e Estado, esta obra mostra que estas instituições, muitas vezes perseguidas e expulsas, tiveram uma capacidade extraordinária de resistência, renovação, regresso e renascimento em Portugal.

Hoje, a sua acção continua a ser de grande dimensão e valia, não só na Igreja, mas também ao serviço da sociedade portuguesa. Encontramos estes homens e mulheres, marcados pelo seu estilo de vida consagrado, ao serviço da Educação, da Assistência Social, da Saúde e da Evangelização. É a história fascinante dessas instituições e dos seus protagonistas que aqui nos é dada a conhecer. Ligando passado e presente, este dicionário enciclopédico oferece um instrumento de conhecimento global sobre a grande diversidade e deriva histórica de instituições que revelaram extrema capacidade de metamorfose para efeitos de adaptação aos desafios de cada tempo.

15 de setembro de 2010

Aniversário de Agatha Christie

Miss Marple Investiga

Agatha Christie

Asa Editores


Nove casos, nove mistérios aparentemente fáceis de resolver: o caso insólito de um homem ferido que procura a igreja como refúgio; a enigmática charada que um velho excêntrico decide deixar como herança; uma criada cuja extrema eficiência levanta suspeitas; uma sinistra premonição que muda o rumo de várias vidas… e, é claro, Miss Marple, que - para estupefacção geral - resolve tudo aparentemente num piscar de olhos.
Miss Marple Investiga (Miss Marple’s Final Cases) foi originalmente publicado na Grã-Bretanha em 1979, ano em que seria igualmente editado nos Estados Unidos.

9 de setembro de 2010

O Rapaz de Olhos Azuis


Ele conhece-a há uma eternidade e, contudo, ela nunca o viu. É como se fosse invisível para a mulher que ama. Mas ele vê-a a ela: o cabelo; a boca; o rosto pequeno e pálido; o casaco vermelho-vivo na neblina matinal, como algo saído de um conto de fadas. Até agora, ele nunca se apaixonou. Assusta-o um pouco: a intensidade dessa emoção, a maneira como o rosto dela se intromete nos seus pensamentos, a maneira como os seus dedos traçam o nome dela, a maneira como tudo, de algum modo, conspira para que ela nunca lhe saia da cabeça... Ela não sabe de nada, claro. Tem um ar muito inocente, com o seu casaco vermelho e o seu cesto. Mas por vezes os maus não se vestem de preto e por vezes uma menina perdida na floresta é bem capaz de fazer frente ao lobo mau...

15 de maio de 2010

Vencedores do Concurso Jogos de Língua Portuguesa


1.º ano
Guilherme Barros Teixeira
EB1 de S. Vítor

2.º ano
Maria Afonso Mota Cruz Pereira
CLIB

3.º ano
Pedro Guilherme Cunha Pinheiro
EB1 de Gualtar

4.º ano
Andreia Barros Alves Tavares Taveira
Colégio Teresiano


Cada um dos vencedores recebeu um diploma e um software da Porto Editora (Uma aventura no zoo; Genial - O Grande Jogo da Sabedoria; A minha primeira Enciclopédia; Eu adoro História).

Todos os participantes receberam uma esferográfica e uma caixa de lápis de cor.

11 de maio de 2010

Conversas de Escritores


Nomes conhecidos das letras entrevistados por um jornalista que também é romancista. Oportunidade para descobrir facetas menos comuns de escritores consagrados, no tom intimista e cúmplice que se adopta entre companheiros de ofício. Diálogos com Ian McEwan, Günter Grass, Isabel Allende, Dan Brown, Sveva Casati Modignani, Luís Sepúlveda, Jeffrey Archer, Paulo Coelho, Miguel Sousa Tavares e José Saramago.
In Gradiva

3 de maio de 2010

30 de abril de 2010

Feira do Livro


A Culturminho está presente na Feira do Livro, a decorrer no Parque de Exposições de Braga, até ao dia 2 de Maio.


22 de abril de 2010

A Rainha Branca


A história do primeiro volume de uma nova trilogia notável desenrola-se em plena Guerra das Rosas, agitada por tumultos e intrigas. A Rainha Branca é a história de uma plebeia que ascende à realeza servindo-se da sua beleza, uma mulher que revela estar à altura das exigências da sua posição social e que luta tenazmente pelo sucesso da sua família, uma mulher cujos dois filhos estarão no centro de um mistério que há séculos intriga os historiadores: o desaparecimento dos dois príncipes, filhos de Eduardo IV, na Torre.

10 de abril de 2010

Jogos Velhos, Regras Novas

Jogos Velhos, Regras Novas

Jorge Nuno Silva, João Pedro Neto

Clássica Editora

"Com um baralho de cartas vulgar podemos jogar a Bisca, a Sueca, o King, o Bridge e muitos outros jogos. Contudo, o mesmo não se passa com as peças de Xadrez e de Damas. Neste livro mostramos que também o material deste jogos permite praticar muitos outros jogos de grande nível táctico e estratégico. Mostraremos igualmente como ilustrar e ensinar matemática... usando um baralho de cartas. A riqueza combinatória das 52 cartas habituais torna o baralho um acessório pedagógico matemático excelente. Alunos e professores de qualquer nível de ensino encontrarão aqui algo relevante para as suas actividades."

18 de março de 2010

Manual de Sobrevivência para Pais de 1ª Jornada

Manual de Sobrevivência para Pais de 1ª Jornada

Impala Editores

Os pais que o são pela primeira vez tendem a desesperar perante aquilo que pensam ser uma total incapacidade para cuidar de uma pessoa que é tão pequena, frágil e indefesa.

Porque o chamado instinto maternal e/ou paternal nem sempre ajuda a resolver mais práticas, como mudar fraldas ou lidar com uma valente birra, este manual apresenta-se como uma verdadeira bóia de salvação para todos os pais e mães inexperientes.

De leitura fácil a prática, qualquer pai de primeira jornada pode rapidamente aprender com este livro qual a forma indicada de agir perante determinadas situações. Assim, e para que a alucinante viagem da paternidade não se torne num verdadeiro pesadelo, aprenda todos os truques que já as nossa avós usaram para educar os seus filhos, ou seja, os nossos pais.

17 de fevereiro de 2010

Os Filhos! - Onde é que está o manual de instruções?

Gradiva Publicações


A obra Os Filhos! Onde está o Manual de Instruções?, reúne as actas de um congresso organizado pela Associação Lavoisier que decorreu em Fevereiro de 2009 e que contou com um leque de oradores conceituados, de diversas especialidades nomeadamente, psico-pedagógicas, educativas e médicas nas áreas infanto-juvenis, que abordaram temas relacionados com a infância e adolescência de forma a dar respostas aos pais, encarregados de educação, educadores e profissionais, que trabalham com crianças e jovens adolescentes, sobretudo em como lidar com uma geração cada vez mais cibernéctica e sob o síndrome “Morangos com Açúcar” ou o “Rebelde Way”.

15 de fevereiro de 2010

Abre-te Cérebro!


As mais divertidas charadas. Os mais estimulantes desafios

Manuela Vidal, Teresa Santana, Manuel Domingos

Saída de Emergência

Desde sempre que os exercícios de treino mental foram utilizados para educar, desafiar e estimular a mente. Compilando o melhor que a sabedoria popular fez chegar aos nossos dias, "Abre-te Cérebro" foi concebido para colocar qualquer cérebro a trabalhar.

Esperamos sinceramente que este livro, ainda que não contenha as clássicas palavras encantadas, possua a chave que abrirá a porta para a Magia, a Riqueza e o Tesouro encerrados na sua mente.

31 de janeiro de 2010

Os Postais da Primeira República


Primeiro de uma série de seis irresistíveis álbuns ilustrados, em parceria com a comissão para as comemorações do centenário da República - 1910-2010.